12/04/2018 FAUNA

Soltura de tartarugas em Guarujá

O Instituto Gremar realizou, no final de março, a soltura de cinco tartarugas da espécie Chelonia mydas (tartarugas-verdes) na Praia do Iporanga, em Guarujá (SP). A ação é mais uma do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS).
 
No início de março dois animais encalharam na Praia dos Pescadores, em Itanhaém, dois no Guarujá (Perequê e Astúrias) e um em São Vicente, na Praia do Itararé. De todos, apenas um não apresenta lesão aparente - o restante foi vítima de interação com petrechos de pesca (linhas, redes e anzóis) e ingestão acidental de lixo. 
 
As duas tartarugas resgatadas em Itanhaém passaram inicialmente pela Base de Estabilização do Gremar instalada na Praia do Centro, seguindo alguns dias depois para a unidade de reabilitação do Guarujá, onde se juntaram às demais. O tratamento, em linhas gerais, consistiu na retirada dos petrechos e cuidados subsequentes com alimentação, hidratação e flutuabilidade. Em uma das tartarugas foi necessário também procedimento cirúrgico para retirada de fibropapilomas.