27/08/2018 ENERGIA EÓLICA

Projetos deve impulsionar executivos

O leilão de geração A-6 marcado para acontecer em 31 de agosto viabilizará projetos que iniciem o fornecimento de energia em 2024. A expectativa é que tenha uma grande contratação de energia eólica, o que também significa que são boas as chances de contratações de executivos para o setor. 
 
“A expectativa é que esse otimismo se confirme. A boa perspectiva no setor eólico contribui para toda a cadeia, pois ganham também os fornecedores de equipamentos e serviços para os parques, como empresas de monitoramento por drones. Todo esse movimento cria um ambiente favorável à contratação de executivos”, afirma Luana Maluf, sócia-consultora especialista do setor de energia da Fesa Group, consultoria de executive search e de estratégia de Capital Humano. 
 
Luana aponta que há uma forte tendência de investimentos em eólicas offshore, entretanto há a questão do alto custo envolvido no processo, enquanto que na eólica on shore o maior custo é o do aerogerador; no off shore tem toda a questão logística, implantação etc.

Veja também

17/06/2019
FONTES LIMPAS | Santander quer ser 100% renovável
10/06/2019
FONTES RENOVÁVEIS | Google tem 100% de consumo
03/06/2019
RESÍDUOS SÓLIDOS | Universalização depende de R$ 7,6 bi
02/06/2019
ENERGIA EÓLICA | EDF encomenda 147 MW
27/05/2019
FONTES RENOVÁVEIS | Frente Parlamentar debate transição
20/05/2019
BIOENERGIA | Geração com palha da cana-de-açúcar
20/05/2019
EFICIÊNCIA ENERGÉTICA | AngloGold Ashanti apoia startup
13/05/2019
ENERGIA | Eólica tem crescimento recorde