14/09/2018 ENERGIA SOLAR

Mais instalações em casas e empresas

O Ministério da Integração Nacional anunciou, em meados de junho, mais de R$ 3 bilhões para projetos de geração de energia solar com o objetivo de impulsionar o setor. De acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), aproximadamente 1,2 milhão de geradores de energia solar serão instalados em casas e empresas até 2024. Isto significará 15% da matriz energética nacional. Até 2030, o mercado de energia fotovoltaica deverá movimentar cerca de R$ 100 bilhões. 
 
A diretora executiva da Fronius, Monalisa Gomes, afirma que atualmente existem diversas linhas de financiamento para que pessoas físicas e jurídicas possam instalar o sistema fotovoltaico em suas casas ou empresas “O mercado continua em expansão com um ritmo de crescimento exponencial; novos perfis de clientes residenciais almejam os benefícios da própria instalação solar; grandes grupos de consumidores comerciais estão analisando seriamente a adesão; a indústria e o agronegócio aumentaram seu interesse em energia limpa e sustentável”, comenta. 
 
Com o prazo de pagamento para até oito anos e possibilidade de financiar 100% do valor do projeto, as taxas anuais estão estimadas em 5,43% para as regiões Norte e Nordeste e 6,40% para o Centro-Oeste. No entanto, essa medida não chega aos estados do Sul e do Sudeste, visto que os recursos do financiamento vêm dos fundos constitucionais destinados ao desenvolvimento socioeconômico destas regiões.
 

Veja também

17/06/2019
FONTES LIMPAS | Santander quer ser 100% renovável
10/06/2019
FONTES RENOVÁVEIS | Google tem 100% de consumo
03/06/2019
RESÍDUOS SÓLIDOS | Universalização depende de R$ 7,6 bi
02/06/2019
ENERGIA EÓLICA | EDF encomenda 147 MW
27/05/2019
FONTES RENOVÁVEIS | Frente Parlamentar debate transição
20/05/2019
BIOENERGIA | Geração com palha da cana-de-açúcar
20/05/2019
EFICIÊNCIA ENERGÉTICA | AngloGold Ashanti apoia startup
13/05/2019
ENERGIA | Eólica tem crescimento recorde