24/07/2017 PCJ

Israelense realiza visita técnica às instalações

O gerente da Mekorot para a unidade de produção da Galileia, Alon Lev, realizou visita técnica e turística pelas Bacias PCJ acompanhado da equipe do Consórcio PC no último dia 12 de julho. Ele conheceu a Casa Modelo de Uso Racional de Água, na sede do Consórcio PCJ, a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) de Nova Odessa, o Museu da Água e a Estação de Tratamento de Água (ETA I) e o Centro de Controle Operacional do Saae Indaiatuba.
A primeira parada aconteceu na sede do Consórcio PCJ, no Centro de Referência em Gestão dos Recursos Hídricos, em Americana, onde o gerente israelense pode conferir o trabalho dos colaboradores da entidade, além de conhecer a Casa Modelo. Lev encontrou-se com o presidente do Consórcio PCJ e prefeito de Nova Odessa, Benjamim Bill Vieira de Souza, onde lhe entregou o convite do Consul de Israel para assuntos econômicos em São Paulo, Boaz Albaranes, para a participar na WATEC, uma das maiores feiras sobre água no mundo, além de conhecer as ações de gestão de recursos hídricos israelenses. A WATEC acontecerá de 12 a 14 de setembro de 2017, em Tel Aviv, Israel. 
O presidente do Consórcio PCJ contou como a cidade de Nova Odessa superou a crise hídrica através de um programa de desassoreamento, além de um projeto de recuperação de nascentes e investimentos na troca de tubulações para redução do índice de perda de água tratada na cidade. “Em Nova Odessa temos ótimos exemplos de sustentabilidade e cuidados com o meio ambiente”, disse.
 
Em seguida, o gerente da Mekorot se deslocou acompanhado do superintendente Valdemir Ap. Ravagani ao centro de Nova Odessa para conhecer o trabalho de coleta seletiva por meio de Ecopontos implantado pelo Consimares (Consórcio Intermunicipal de Manejo de Resíduos Sólidos). Sobre este tipo de trabalho em Israel , o gerente disse : “Os resultados foram muito bons em cidades pequenas, mas em municípios maiores, como Tel Aviv, é necessária maior conscientização da população”, comentou. 
 
Na ETE Quilombo, Lev foi recebido pelo gerente químico da Companhia de Desenvolvimento de Nova Odessa (Coden), José Hilário Pessoa, que apresentou as instalações e a tecnologia utilizada. “É uma estação muito eficiente”, elogiou o israelense. O executivo visitou também o Museu da Água, em Indaiatuba, que fica numa área de preservação florestal ao entorno da Represa do Cupini, primeira captação de água do município e que abastece a cidade desde 1937. O israelense ainda fez uma trilha de 1.800 metros numa área de remanescente florestal de Mata Atlântica, ao lado do Museu, além de conferir o local da nascente da Represa do Cupini.
 
Por último, Lev visitou a Estação de Tratamento de Água (ETA I) e o Centro de Controle Operacional (CCO), onde o Saae possui um sistema de controle integrado de monitoramento, simulação e tomada de decisão sobre o funcionamento de 45 reservatórios e 13 pontos de macromedição distribuídos por Indaiatuba. O Centro mostra, em tempo real, a situação de cada uma dessas unidades. As comunicações são feitas via radiofrequência, e partem da ETA I, dotada de uma antena direcional.
 
A visita do gerente da Mekorot faz parte das ações do Consórcio PCJ em divulgar o 8º Fórum Mundial da Água – Brasília 2018 e como parte da estratégia da entidade de promover as Bacias PCJ como destino internacional para visitas técnicas e turísticas. As ações do Consórcio PCJ de divulgação e engajamento com o 8º Fórum Mundial da Água fazem parte do projeto “Compartilhando Caminhos para Brasília 2018” e conta com o apoio da Agência Reguladora (ARES-PCJ), da Ajinomoto e da Sanasa/Campinas.

Veja também

10/10/2018
RECURSOS HÍDRICOS | Centro de Capacitação das Bacias PCJ
14/09/2018
RECURSOS HÍDRICOS | Aprovado rateio de água do São Francisco
17/08/2018
BACIAS HIDROGRÁFICAS | Cobrança do PCJ é modernizada
09/07/2018
MICROPOLUENTES | Projeto avalia influencia em rios
09/07/2018
VELHO CHICO | Nova metodologia de cobrança em 2019
29/09/2017
BACIA DO TIETÊ | Só três pontos de coleta têm qualidade boa
24/08/2017
RECURSOS HÍDRICOS | Parceria para revitalização de bacias