08/11/2019 MANANCIAIS

Debate sobre futuro do Jaguari

No dia 31 de outubro a BRK Ambiental, em reunião com o DAEE, a CETESB, a FIESP, o Consórcio PCJ, a Secretária de Meio Ambiente e Agricultura e a Secretária Municipal de Obras e Serviços Públicos de Limeira, a Empresa Ajinomoto e o Comitês PCJ debateu o atual momento e o futuro dos mananciais dos rios Jaguari e Ribeirão Pinhal. 
 
Foram debatidos aspectos, como a quantidade de água disponível nos mananciais e sua qualidade; ações a serem desenvolvidas tanto no âmbito municipal, com relação ao Ribeirão Pinhal, quanto das Bacias PCJ, referente ao rio Jaguari. “As ações apontadas têm como objetivo assegurar a disponibilidade de água e a qualidade dos mananciais”, explica Fernando Mangabeira, diretor da BRK Ambiental em Limeira. 
 
Para o rio Jaguari devem ser instalados equipamentos de monitoramento de qualidade a montante da captação de Limeira, reativação do posto de monitoramento de vazão do rio Jaguari em sua foz e a contribuição do Sistema Cantareira. Já para a bacia do Ribeirão Pinhal estão previstas ações como projetos de monitoramento e melhorias nas represas existentes, possibilidades de reservas futuras e reflorestamento. “Limeira é uma cidade privilegiada ao poder contar com dois mananciais para abastecimento. Este trabalho é para que isso permaneça”, ressalta Mangabeira. 

Veja também

23/08/2019
RIO PINHEIROS | Sabesp investirá R$ 1,5 bilhão
27/07/2019
BACIAS HIDROGRÁFICAS | Movimento recupera Rio Miringuava
19/07/2019
RIO PINHEIROS | R$ 70 milhões em desassoreamento
05/07/2019
RIO PINHEIROS | Sabesp vai despoluir 25 córregos